06 Março

Projeto torna campanhas de saúde pública obrigatórias em sites de instituições federais

O Projeto de Lei 6612/19 obriga as instituições públicas federais a inserir, em seus sites na internet, campanhas de saúde pública. A proposta tramita na Câmara dos Deputados.

Pelo texto, as campanhas deverão ser veiculadas na página principal do site, com ligação externa para site próprio com as informações. Os temas, o modelo e o tamanho da propaganda, o site direcionado e outros detalhes serão definidos em regulamento, caso o projeto seja aprovado e vire lei.

Além disso, as campanhas serão periódicas e incluirão, entre seus temas, informações sobre doação de sangue e de órgãos, HIV/aids, uso de drogas, câncer, saúde mental, autismo, hepatite, hábitos de higiene, saneamento básico, maus-tratos e abuso de crianças e adolescentes e vacinação.

A proposta foi elaborada pela Comissão de Legislação Participativa da Câmara a partir de sugestão da Associação Civil Educacional Carrossel de Esperança, do Distrito Federal.

Tramitação

O projeto será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania, antes de ser votado pelo Plenário da Câmara.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

 

 

Ler 147 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Facebook

Parceiros

 
   

Contato

Sindessmat - Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso

Rua Barão de Melgaço, n° 2754

Edifício Work Tower - Sala 1301

Cuiabá - MT

Telefone: (65) 3623-0177
(Administrativo/Financeiro)

Email: diretoria@sindessmat.com.br

Sobre nós

O SINDESSMAT – Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso – conforme seu Estatuto, é constituído para fins de estudo, coordenação, proteção e representação legal da categoria dos estabelecimentos de serviços de saúde, dentro do estado de Mato Grosso.