06 Dezembro

Comissão de Seguridade aprova criação de cartão nacional de vacinação on-line

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 468/19, do deputado Dr. Luiz Antonio Teixeira Jr (PP-RJ)., que institui o Cartão Nacional de Vacinação On-Line.

Conforme a proposta, o cartão será vinculado ao CPF do paciente e terá acesso disponível em todas as unidades de saúde do Brasil. Ele deverá ter as datas da vacinação e do retorno, quando for necessário.

A proposta recebeu parecer favorável do relator, deputado Pedro Westphalen (PP-RS), que destacou a relevância do texto. “O instrumento seria importante para permitir o acompanhamento da cobertura vacinal na população e identificar falhas”, disse.

Descentralização

Conforme o texto aprovado, o governo federal poderá descentralizar os serviços de cadastro, emissão e validação do Cartão Nacional de Vacinação On-Line às secretarias estaduais de saúde, hospitais e demais unidades de saúde pública. Eles ficarão responsáveis pela coleta dos dados e validação das informações em sistema digital.

Em locais sem o sistema, as informações serão colhidas em formulários e enviadas à unidade de saúde mais próxima com acesso. Caberá ao Fundo Nacional de Saúde (FNS) custear as despesas de implantação no cartão. O FNS é o gestor financeiro, na esfera federal, dos recursos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Tramitação

A proposta tramita em caráter conclusivo e será analisada agora pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

 

Fonte: Camera Legis.

Ler 193 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Facebook

Parceiros

 
   

Contato

Sindessmat - Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso

Rua Barão de Melgaço, n° 2754

Edifício Work Tower - Sala 1301

Cuiabá - MT

Telefone: (65) 3623-0177
(Administrativo/Financeiro)

Email: diretoria@sindessmat.com.br

Sobre nós

O SINDESSMAT – Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso – conforme seu Estatuto, é constituído para fins de estudo, coordenação, proteção e representação legal da categoria dos estabelecimentos de serviços de saúde, dentro do estado de Mato Grosso.