Terça, 10 Abril 2018 09:29

MPE sugere que novo fundo custeie hospitais filantrópicos

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
MPE sugere que novo fundo custeie hospitais filantrópicos

O procurador-geral de Justiça, promotor Mauro Curvo, sugere que o Fundo de Estabilização Fiscal, que será apresentado nos próximos dias na Assembleia Legislativa, tenha como uma de suas destinações os Hospitais Filantrópicos do Estado. A “dica” foi dada na última quarta-feira, após reunião de diretores das unidades filantrópicas com o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (DEM), e o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB).

 

Na reunião, os hospitais cobravam  pagamento de emendas parlamentares que já estavam nos cofres do Estado e do município. Por conta do atraso neste pagamento, algumas unidades filantrópicas, deixaram de receber novos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde).

 

Após a reunião, Curvo avaliou que é necessário discutir o pagamento das emendas, pois sana débitos já existentes com os hospitais. “Para tentar resolver o passivo que vem dificultando o funcionamento dos hospitais filantrópicos, a solução é uma só, o repasse dos R$ 33 milhões sobre a forma de emendas que já foram recebidas pelo governo do estado, isso para resolver o passado”, declarou Mauro Curvo.

 

Porém, ressaltou que é imporante discutir uma solução definitiva envolvendo os filantrópicos. Isso porque, ao longo dos últimos meses, apenas soluções paliativas são tomadas, geralmente, quando os serviços são suspensos. “Para o futuro, a solução é aproveitar a proposta do Fundo de Estabilização Fiscal que está sendo proposta pelo governo. Fazer com que empresas que gozam de incentivos fiscais paguem para continuar tendo esse benefício. Então é pegar um percentual desse valor e repassar para os hospitais filantrópicos”, propôs.

 

O chefe do Ministério Público colocou que não existe nenhum impeditivo jurídico para que os filantrópicos sejam contemplados com o Fundo. Segundo ele, é necessário “vontade política”. “O que não pode é deixar os filantrópicos pararem de funcionar, pois a situação passa de ruim para catastrófica, e isso nós não podemos permitir que aconteça”, sentencia.

Fonte: Folha Max

Ler 20 vezes

Localização

Agenda

« Abril 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30